Certificação

home / Certificação / Certificação

Você está interessado em se tornar professor?

Que bom, aqui vai um passo a passo da certificação de professores de Iyengar Yoga.

Conforme a orientação de B.K.S Iyengar, em todo o mundo, as associações de Iyengar Yoga dispõem de bancas de certificação. Ou seja, bancas que fazem processos de avaliação para osdiversos níveis de certificação de professores em Iyengar Yoga.

1. Para a Certificação no Nível Introdutório:
O candidato deve apresentar à associação duas cartas de recomendação, assinadas por professores de nível Intermediário Júnior I ou de maior grau. Tais professores exigirão a comprovação de 6 anos de prática regular com seu professor de Iyengar Yoga certificado, através da Carta de Experiência.

Em cumprimento à decisão de B. K. S. Iyengar, o aluno prestará, simultaneamente, a certificação para os Níveis Introdutório I e II, unidos em uma única avaliação e único nível de certificação. Deste modo, não existem mais provas de certificação separadas para os antigos Níveis Introdutório I e II, sendo apenas a antiga lista do nível Introdutório II a lista do atual nível Introdutório.

2. Para a Certificação de Nível Júnior Intermediário I:
O candidato deve ter obtido a Certificação no Nível Introdutório II pelo menos 18 meses antes de se apresentar à Certificação de Nível Júnior Intermediário I, e deve apresentar duas Carta de Recomendação de professores de nível Júnior Intermediário II ou de maior grau, com quem esteja estudando regularmente.

3. Para a Certificação de Nível Júnior Intermediário II:
O candidato deve ter obtido a Certificação no Nível Júnior Intermediário I pelo menos 6 meses antes de se apresentar à Certificação de Nível Júnior Intermediário II e deve apresentar duas cartas de recomendação de professores de nível Júnior Intermediário III ou de maior grau, com quem esteja estudando regularmente. O candidato a este nível deverá apresentar comprovação de, pelo menos de um mês de aulas no RIMYI (Pune/Índia).

4. Para a Certificação de Nível Júnior Intermediário III:
O candidato deve ter obtido a Certificação no Nível Júnior Intermediário II pelo menos 6 meses antes de se apresentar à Certificação de Nível Júnior Intermediário III e deve apresentar duas cartas de recomendação de professores de nível Sênior Intermediário I ou de maior grau, com quem esteja estudando regularmente.
O candidato a este nível deverá apresentar comprovação de, pelo menos duas visitas por um período de um mês, cada uma delas, ao RIMYI (Puna/Índia).

5. Para a Certificação dos Níveis Sênior Intermediário I e II:
O candidato deve ter obtido a Certificação no Nível anterior pelo menos 18 meses antes de se apresentar à Certificação de Nível Sênior Intermediário I ou II e deve apresentar apenas uma carta de recomendação de um professor Intermediário Sênior III ou acima, com quem esteja estudando regularmente. Além disso, deverá apresentar comprovação de três visitas de pelo menos um mês cada uma ao RIMYI (Pune/Índia), sendo a última visita no maior a 2 anos antes da inscrição.

MODELO DA CARTA DE RECOMENDAÇÃO PARA CERTIFICAÇÃO
MODELO DA CARTA DE COMPROVAÇÃO DE EXPERIÊNCIA

IMPORTANTE:

TODOS OS CANDIDATOS DEVERÃO LER O GUIA DO CANDIDATO para ficar à par do processo de certificação.

Professores certificados e suas atribuições:
Só poderão ser listados pela associação e aptos a recomendar alunos os professores certificados que estiverem em dia com a Associação e com o registro do Logo Marca Natarajasana.

Algumas dicas para os exames:
1. Os candidatos devem ter prática e entendimento de asanas com maturidade. É necessário saber bem os textos que descrevem os asanas no livro Luz sobre o Yoga. A lista de Asanas e Pranayamas a serem estudados encontram-se nos links abaixo:

  • Introdutório
  • Júnior Intermediário I
  • Júnior Intermediário II
  • Júnior Intermediário III
  • Sênior Intermediário I
  • Sênior Intermediário II

2. Os candidatos devem preparar notas para cada asana da lista para certificação que descrevem os principais pontos que os candidatos devem ensinar para um aluno iniciante (Não se deve colocar mais do que um ponto para uma determinada parte do corpo). Este estudo dos pontos de cada asana deve seguir a seguinte orientação:

Entrando na postura

  • Pés e pernas
  • Coxa, pélvis e abdômen
  • Costas, tronco e peito
  • Ombros, braços e mãos
  • Pescoço e cabeça
  • Saindo da postura.

3. Os candidatos devem saber ensinar qualquer postura da lista no tempo de 5 minutos observando a seguinte orientação na sequência:

  • Demonstração em silêncio
  • Demonstração com explicação
  • Fazer junto com os alunos e observar
  • Fazer correções e/ou mais explicações baseadas na observação
  • Alunos fazem a postura pela segunda vez
  • Última demonstração do professor, se necessário.

4. O tempo para avaliação das habilidades de ensino é de 40 minutos corridos sem interrupções para ensinar 3 asanas dinâmicos mais as posturas invertidas (para o nível Introdutório).

5. O candidato deve ler a introdução do Luz sobre o Yoga e o capítulo sobre Pranayama no A Árvore do Ioga, estando aptos a discutir e explicar claramente sobre os assuntos dos dois livros.

Este processo de preparação é muito importante para o sucesso da Certificação. A melhor forma de estudar é formar grupos de estudo de 5 pessoas, para um ensinar o outro e tirar as dúvidas e, praticar em
conjunto.

Se você está interessado em participar, procure desde já seu professor e se informe.
Não deixe para a última hora!

#tags 3ª convenção abhijata convencao curso de aprofundamento galeria de fotos revista yoga
Receba nossas novidades em seu e-mail